Videoconferência e Masterclass

A Banda Sinfônica da Escola de Música da UFMG dá continuidade ao seu ciclo de videoconferências  referentes ao primeiro semestre letivo de 2021, aprovadas no sistema ERE (Ensino Remoto Emergencial). 

Os temas estão relacionados à pedagogia, performance e história das bandas. Os palestrantes são  professores, pesquisadores, pedagogos, maestros e instrumentistas do Brasil, da Europa e dos EUA.

Nossos próximos encontros serão com o trompetista Matias Nieva, da Argentina:

– Terça-feira, 10/08, a partir das 15h30min | Videoconferência

Sexta-feira, 13/08, também a partir das 15h30min | Masterclass

Aos interessados (apenas para alunos), favor entrar em contato através do e-mail:
bandasinfonicadaufmg@gmail.com

Esperamos por vocês!
 
Anor Luciano Júnior
Coordenador e regente da Banda Sinfônica da UFMG
Aurélio Bernardes
Monitor

 Matias Nieva

Matias Nieva é um dos músicos mais versáteis e ativo na encena musical da Argentina, Trompetista da orquestra Estável do Teatro Argentino de La Plata (Argentina), Improvisador, Conferencista internacional, Artista Adams, fundador e criador do Trumpet Fest Argentina. Participou de diversos agrupamentos entre eles: Orquestra Sinfónica Nacional (Argentina), Orquestra Estável Teatro Colon, Banda Sinfónica da Faculdade de Filosofía e Letras (Argentina), Orquestra Provincial de Santa Fe, OLV
(Orquestra Latinoamericana de Ventos 2009 Manizales-Colombia), Orquestra de Bach Fest (2015 Cochabamba-Bolivia). Fez parte dos Musicais: Sweeny Tood (2010), The Sound Of Music (2011), My Fair Lady (2013), Chicago (2013), Company (2013), Pasos de Amor (2014), Ghost The Musical (2015), Shrek The Musical (2015), Edipo y Jocasta (2016), Sunset Boulevar (2018). Compartilhou Cenário com: Luis Fonsi, Jose Carreras, Raul Lavie, Patricia Sosa, Valeria Lynch, Axel, Soledad Pastorutti, Tini Stoessel, Abel Pintos, Karina “La Princecita”, Lito Vitale, Sandra Mihanovich, Gabo Ferro, Geronimo Rauch entre outros. Matías desenvolve uma atividade muito ampla no campo da música contemporânea e improvisação. Participa ativamente na cena musical de esses gêneros desenvolvendo interessante intercâmbio de ideias com muitos compositores. Entre suas atividades se destaca um minucioso trabalho de investigação sobre notação e execução de técnicas extendidas. Entre sus atividades se destaca un minucioso trabajo de investigación sobre notación y ejecución de técnicas extendidas. Participou de diversas estreias Nacionais e Internacionais junto aos seguintes ensambles: Ban On A Can (New York), Lontano (Londres), Lucilin Ensamble (Luxembourg), Suono Mobile (Argentina), Compañia Oblicua (Argentina), Sonorama (Argentina), Entre Otros. Instituciones como el LIPM, Universidade Católica de Buenos Aires, CETC (centro de experimentação do Teatro Colón), TACEC (Teatro Argentino de La Plata), Ciclo de Música contemporánea do Teatro San Martín, convocam para diversas estreias. Desempenha também como docente em diversos festivais e ambitos pedagógicos entre eles: Forum de Pedagógia e performace da trompeta Universidad de Santa Maria Porto Alegre-Brasil, BACHFEST Cochabamba-Bolivia, FIM (Festival Internacional de Música) Loja-Ecuador, UNASP Universidad Adventista Hortolandia- Brasil, Trumpet Fest- Chile, Workshop internacional de trompete da ADCAMP.

Banda Sinfônica – Videoconferência 10 e 13 agosto 2021